Argentina flexibiliza medidas de controle de câmbio

24 de janeiro de 2014

#Argentina


O governo argentino liberalizou nesta sexta-feira (24) algumas medidas de controle de câmbio, impostas nos últimos dois anos, para frear a fuga de pesos. A partir de segunda-feira (27) os argentinos poderão comprar dólares (e outras moedas estrangeiras) pelo câmbio oficial, operação que tinha sido proibida em julho de 2012. O chefe de gabinete da Presidência, Jorge Capitanich, também anunciou a redução do imposto cobrado para compras feitas com cartão de crédito no exterior, de 35% para 20%.

O anúncio foi feito dois dias após a maior desvalorização do peso em doze anos. A cotação do dólar oficial saltou de 6,8 pesos na terça-feira (21) para 8 pesos na quinta-feira (23). No mercado paralelo, que cresceu nos dois anos de política de controle cambial, a cotação do 'dólar blue' (como é chamada a moeda comercializada no paralelo) passou de 11,8 pesos para 13 pesos.

As medidas fazem parte da política cambial de “flutuação administrada”, explicou o chefe de gabinete da Presidência argentina, em entrevista coletiva. “O governo considera que o preço do dólar alcançou o nível de convergência aceitável para os objetivos da política econômica”, disse ele.

Segundo o economista Fausto Spotorno, a intenção do governo e reduzir a brecha entre o dólar oficial e o paralelo, cuja cotação vem aumentando desde a implementação de rígidos controles ao câmbio. A primeira medida foi anunciada em outubro de 2011: quem quisesse comprar dólares na Argentina tinha de pedir autorização à Administração Federal de Ingressos Públicos (Afip), órgão equivalente à Receita Federal brasileira, e demonstrar que tinha pesos suficientes para realizar a troca.

“Os argentinos compram dólares há mais de três décadas porque acham que é a forma mais segura de poupar e preservar o poder de compra de seu dinheiro”, explicou à Agência Brasil o economista Marcelo Elisondo. “Não confiam nos bancos, porque o dinheiro deles já foi confiscado mais de uma vez e agora estão preocupados com a inflação”.

Em maio do ano passado, o ministro da Economia, Axel Kicillof, estimou que os argentinos tinham US$ 40 bilhões guardados fora do sistema financeiro local: em cofres bancários ou em casa.

Em 2012, o governo limitou ainda mais as operações de câmbio: só podia comprar dólares quem viajasse ao exterior. Os argentinos passaram, então, a fazer viagens relâmpago aos vizinhos Paraguai e Uruguai, para comprar dólares no mercado oficial argentino ou sacar dólares nos caixas eletrônicos dos dois países para revendê-los no mercado negro. O governo apertou o cinto impedindo o uso dos cartões de débito argentinos no exterior e cobrando taxa de 35% sobre cada operação com cartão de crédito no exterior.

As medidas anunciadas nesta sexta-feira reduzem o imposto a 20% e autorizam a compra de dólares mesmo para quem não for viajar ao exterior. Os argentinos, no entanto, ainda precisam pedir autorização à Afip se quiserem fazer uma operação de câmbio.


Matéria: Agência Brasil

Síria: Oposição designa novo chefe das negociações em Genebra 2

#Síria #Genebra


A Coligação Nacional Síria designou hoje (24) Hadi Al Bahra como chefe das negociações com o governo sírio na Conferência de Paz Genebra 2, informou Burhan Galion, que também integra a delegação da oposição nas negociações. Al Bahra é secretário-geral, membro da Comissão Política da Coligação Nacional e foi escolhido pelo presidente da organização, Ahmed Jarba. As conversações de paz, iniciadas na quarta-feira (22), foram marcadas até agora por críticas e acusações entre os representantes do regime e os da oposição.

Os trabalhos desta sexta-feira começaram em clima de ameaças e ataques mútuos e a reunião com o mediador das Nações Unidas (ONU), Lakdar Brahimi prevista para o começo da manhã de hoje, não chegou a acontecer. Brahimi reuniu-se no final da manhã com a delegação enviada pelo governo e, à tarde, terá um encontro com membros da oposição.

O ministro dos Negócios Estrangeiros sírio, Walid Muallem acusou a oposição de “falta de seriedade e de disposição” para negociar e ameaçou abandonar as negociações se, a partir de amanhã (25), a postura do governo não mudar. Para a oposição, o ponto de partida para se negociar é a assinatura do Comuniqué de Genebra por parte de representantes do regime do presidente Bashar Al Assad. No documento - que prevê os próximos passos da conciliação no país -, propõe mecanismo de transição de poder por meio da criação de um grupo executivo.

"Caso contrário, será uma perda de tempo. Precisamos de uma confirmação do comprometimento com o Communiqué. Esta é a base para começar o diálogo", explicou o representante da coalizão, Luai Safi. Para ele, se não houver esta confirmação, não há porquê começar as negociações.


Matéria: Agência Brasil
* Com informações da Agência Lusa e da Itar Tass

Aiea aprova plano para supervisão do acordo sobre programa nuclear do Irã

#Irã


A Agência Internacional de Energia Atômica (Aiea) anunciou hoje (24) o seu apoio ao plano para a supervisão do acordo firmado entre potências mundiais e o Irã sobre o programa nuclear desse país. Fontes da agência indicam que os 35 países que fazem parte do organismo deram aval unânime para a supervisão do plano estabelecido em novembro.

Os países signatários do acordo (Estados Unidos, Rússia, China, França, Reino Unido e Alemanha) querem que a Aiea verifique as diferentes fases do compromisso. O presidente da agência, Yukiya Amano, pediu hoje a ajuda da comunidade internacional para que isso seja viabilizado. Estima-se que serão necessários 6 milhões de euros (cerca de R$ 19,4 milhões) nos próximos seis meses, dos quais 500 mil euros (R$ 1,6 milhão) poderão ser financiados pelo organismo.

“Precisamos quase duplicar os recursos de pessoal destinados à verificação no Irã. Precisamos aumentar de forma significativa a frequência das atividades”, disse Amano. De acordo com o embaixador norte-americano na AIEA, Joseph MacManus, vários países expressaram vontade de contribuir com o aporte financeiro.

O compromisso do Irã, segundo o previsto no acordo, é suspender algumas atividades no setor nuclear, como o enriquecimento do urânio a 20% e a construção de uma central de água pesada. Em contrapartida, os Estados Unidos e a União Europeia devem encerrar as sanções financeiras e comerciais que impunham ao país.


Matéria: Agência Brasil
*Com informações da Agência Lusa

Manifestantes ampliam protestos na Ucrânia

#Ucrânia


Manifestantes ucranianos ampliaram hoje (24) os protestos na capital, Kiev, depois de as negociações entre a oposição e o presidente, Viktor Yanukovich, não terem conseguido por um fim à crise que atinge o país desde o fim de 2013. Depois das negociações, os manifestantes começaram a aumentar o campo de protestos na Praça da Independência e ativistas ocuparam o Ministério da Agricultura, no centro da capital.

"A Praça da Independência é uma ilha da liberdade e vai expandir o seu território até sermos ouvidos", disse o líder da oposição Vitali Klitschko, dirigindo-se aos manifestantes, depois das negociações.

Com sacos de neve, pneus e outros objetos, as pessoas passaram a noite nos locais de protestos para garantir o controle do centro da cidade e impedir o avanço de forças policiais. Na madrugada desta sexta-feira, não houve qualquer incidente violento em Kiev. No último domingo (19), os confrontos entre forças de segurança e a população se intensificaram. Até hoje, cinco pessoas já foram mortas e mais de 100, detidas.

Em sessão extraordinária, o Parlamento ucraniano, em recesso de inverno, se reúne hoje para discutir a deterioração da situação política do país e formas de solucionar a crise de maneira pacífica. Segundo informou o porta-voz do Parlamento, Vladimir Rybak, a declaração de estado de emergência continua não sendo uma opção para o governo e não deverá ser ponto de debate na sessão


Matéria: Agência Brasil
*Com informações da Agência Lusa e da Itar Tass

EUA reforçam segurança nas Olimpíadas de Inverno da Rússia

#Rússia


Brasília - Os Estados Unidos anunciaram o envio de navios de guerra para o Mar Negro para eventuais evacuações caso haja algum atentado terrorista durante os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, no Sudoeste da Rússia. Os jogos serão realizados entre os dias 7 e 23 de fevereiro. A área em que acontecerão as Olimpíadas está sob forte vigilância do governo russo, especialmente depois dos atentados em Volgogrado, na mesma região de Sochi, no começo de janeiro. Neste mês, foram estabelecidas restrições a manifestações e o acesso ao local está sendo controlado.

De acordo com o porta-voz do Pentágono, John Kirby o envio das embarcações norte-americanas é uma precaução devido à instabilidade na região. Esta área do território russo estará fechada até o dia 21 de março para a chegada e a partida de embarcações de pequeno porte, barcos pesqueiros e iates. Haverá exceção em caso de serviços de emergência. A cidade de Sochi é localizada na região do Cáucaso, em que há atividade de grupos guerrilheiros extremistas islâmicos.

Nesta sexta-feira (24), o Parlamento russo irá fazer um apelo à comunidade internacional para que seja estabelecida uma "trégua olímpica" durante os jogos de Sochi.

"Armas têm de se silenciar quando o ideal do esporte e da amizade conquistam as mentes e os corações das pessoas ao redor do mundo. A trégua olímpica foi e deve permanecer sendo um momento de rivalidade pacífica, em uma atmosfera de amizade genuína e camaradagem", informa o rascunho do apelo que será apresentado ainda hoje.


Matéria: Agência Brasil
Com informações da Agência Lusa e da Itar Tass

Bomba explode em Roma antes de encontro de Hollande com o papa

#Itália


Uma bomba artesanal explodiu, na madrugada de hoje (24), nas proximidades de uma igreja francesa em Roma, a poucas horas da visita do presidente da França, François Hollande, ao Vaticano, informou a embaixada francesa na Santa Sé.

Na rua onde a bomba explodiu encontra-se apenas “a Igreja de Santo Ivo dos Bretões, que faz parte das instituições religiosas da França em Roma e Loreto, e um restaurante”, disse a secretária do embaixador da França no Vaticano.

A explosão só provocou danos materiais, atingindo a janela de um edifício e três carros que estavam estacionados na Vicolo della Campana, uma pequena rua do centro histórico da capital italiana, informou a polícia. Até o momento, nenhum ato de reivindicação foi encontrado ou transmitido às autoridades.

Segundo a funcionária da embaixada, uma das hipóteses consideradas é a de um ato relacionado à visita do presidente francês.

Os restos da bomba estão sendo analisados pelas autoridades romanas.

François Hollande encontra-se hoje com o papa Francisco no Vaticano.


Matéria: Agência Brasil

ONU destaca acordo de cessar-fogo no Sudão do Sul

#ONU #Sudão do Sul


O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) saudou hoje (24) o acordo de cessar-fogo entre o governo do Sudão do Sul e os rebeldes. O conselho reiterou seu apoio à missão da ONU no país, alvo de críticas em Juba.

Em declaração unânime, os 15 países-membros "destacam a importância de garantir a viabilidade" desse acordo e de trabalhar sobre ele para alcançar "uma reconciliação total" entre os campos rivais. Os países condenam os ataques feitos contra os civis desde o início dos confrontos, em 15 de dezembro, e "reclamam que aqueles que cometeram esses atos prestem contas".

Os Estados-membros do Conselho de Segurança condenam também os ataques e as acusações lançados contra o grupo da ONU no Sudão do Sul (Minuss) e convidam todas as partes envolvidas a cooperar com a missão no cumprimento de seu mandato. O presidente sul-sudanês, Salva Kiir, acusou, na segunda-feira (20) a ONU de querer montar "um governo paralelo".

O acordo de cessar-fogo, assinado hoje (24), prevê o fim das hostilidades em 24 horas e o fim de mais de um mês de intensos combates. O documento foi firmado em Addis Abeba, capital da Etiópia, por representantes do presidente Salva Kiir e uma delegação dos rebeldes, que apoiam o vice-presidente deposto Riek Machar. O acordo foi elogiado por diplomatas e negociadores regionais.

O Sudão do Sul, que se separou do Sudão e declarou a independência em 9 de julho de 2011, está em guerra desde meados de dezembro, um conflito que já deixou cerca de 500 mil deslocados e refugiados.


Matéria: Agência Brasil
*Com informações da Agência Lusa

Venezuela impõe restrições para gastos no exterior

#Venezuela


Bogotá – O governo da Venezuela anunciou hoje (24) reduções no limite para gastos com cartões de crédito e saques feitos por venezuelanos que viajarem ao exterior. Já publicada na Gazeta Oficial, a medida faz parte do novo sistema cambial e tem o objetivo de proteger a economia do país da especulação financeira, refletida na desvalorização da moeda oficial, o bolívar, frente ao dólar e na operação de um mercado paralelo da moeda norte-americana.

Segundo a Gazeta, em viagens para a África, Ásia, Europa e Oceania, os venezuelanos terão disponíveis US$ 1mil para permanência de um a sete dias e de US$ 3 mil, para oito dias ou mais. Se o destino forem países das Américas e do Caribe, o total permitido é US$ 1 mil, para viagens até três dias; US$ 2 mil, para quatro a sete dias, e US$ 2,5 mil para mais de oito dias.

Viagens para o estado da Flórida, nos Estados Unidos, as ilhas de Aruba, Curaçao e Bonaire, além da Colômbia, da Costa Rica, do Panamá e do Peru têm também limite nos gastos permitidos– em períodos abaixo de sete, os gastos limitam-se a US$ 500 e, acima disso, a US$ 700.

Os destinos com limite menor são os mais procurados pelos venezuelanos que viajam para fazer movimentações em dólar, especialmente para comprar a moeda e depois, movimentá-la no mercado paralelo, com valorização de até oito vezes sobre o câmbio oficial.

A permissão para compras pela internet também foram reduzidas para US$ 300. Até o fim do ano passado, o limite era US$ 400 por pessoa. O governo ressaltou, no diário oficial, que, com a medida, “avançará no objetivo de deter a fuga de capitais do país e combater a guerra econômica, além de preservar o fluxo do dólar no mercado oficial.”

Outra mudança é na prioridade da outorga de dólares pelo órgão de controle monetário. Segundo o vice-presidente para a Área Social, Rafael Ramírez, 80% das divisas autorizadas este ano destinam-se a setores prioritários para a população, como educação, saúde e alimentação.

“Estamos disponibilizando US$ 42,7 bilhões [para todos os setores da economia, incluindo pessoas físicas]. É um pouco mais do que havíamos disponibilizado no ano passado. Deste total, mais de US$ 31 bilhões estão reservados [a uma taxa de 6,30 bolívares por dólares] para os elementos essenciais da nossa economia”, explicou. Os 20% restantes, o equivalente a US$ 11,4 bilhões, serão outorgados pelo Sistema Complementar de Administração de Divisas, que prevê leilões de US$ 220 milhõespor semana.

De acordo com o governo, todas as medidas de fixação de limites e controle visam a evitar que dólares sejam usados para alimentar o mercado paralelo.


Matéria: Agência Brasil

Snowden não vê chance de ter julgamento justo nos EUA

#EUA


O ex-consultor contratado para prestar serviço à Agência Nacional de Segurança (NSA) dos Estados Unidos, Edward Snowden disse hoje (24) não acreditar que possa retornar ao território norte-americano e ter um julgamento justo. A afirmação foi divulgada na página de apoio ao ex-consultor na internet, Free Snowden. Edward Snowden, 30 anos, vive atualmente na Rússia, país que lhe concedeu asilo temporário.

"Retornar aos Estados Unidos, acredito, é a melhor solução para o governo, o público e para mim; mas, infelizmente, não é possível em face as atuais normas de proteção que, devido a uma falha na legislação, não sobrem contratados pela Segurança Nacional, como eu", disse, em referência ao Whistleblower Protection Act (Ato de Proteção do Denunciante, em tradução livre), uma lei da década de 1980 que protege pessoas que denunciem má conduta no governo de sofrer retaliações.

Segundo ele, a sua situação é frustrante, pois não há chance de voltar ao país, levar seu caso a um juri e ter um julgamento justo. Hoje foi a segunda vez que Snowden faz uma declaração pública depois de ter concedido uma entrevista ao jornal britânico The Guardian em junho do ano passado, logo depois de ter revelado as atividades de monitoramento da NSA.

Nesta sexta-feira, Eric Holder, o equivalente ao advogado-geral da União norte-americano, disse que a concessão de clemência a Snowden seria "ir longe demais". Para ele, seria necessário elaborar uma resolução com o ex-consultor para que ele aceitasse, de alguma forma, se responsabilizar pelo vazamento das informações sobre as atividades da NSA.

Ontem (23), uma comissão independente nomeada pelo Congresso norte-americano considerou que o programa de interceptação de dados da agência é ilegal, viola o direito à privacidade e tem pouco ou nenhum valor para a luta contra o terrorismo. A conclusão do grupo de trabalho se seguiu aos recentes anúncios do presidente Barack Obama de mudanças nos serviços de inteligência do País.


Matéria: Agência Brasil
* Com informações da agência de notícias da China, Xinhua

Medidas de Obama sobre espionagem é "primeiro passo", diz governo brasileiro

19 de janeiro de 2014

Internacional



Medidas de Obama sobre espionagem é "primeiro passo", diz governo brasileiro
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-19/medidas-de-obama-sobre-espionagem-e-primeiro-passo-diz-governo-brasileiro
Jan 19th 2014, 17:32

Mariana Jungmann

Repórter da Agência Brasil
Brasília – O governo brasileiro considerou "um primeiro passo" a decisão do governo norte-americano de promover mudanças na Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos. Em nota divulgada hoje (19) no Blog do Planalto, o porta-voz da Presidência da República, Thomas Traumann, disse que o governo "irá acompanhar com extrema atenção os desdobramentos práticos do discurso" do presidente Barack Obama.
Obama anunciou as mudanças na atuação da NSA na última sexta-feira (17). Em discurso, ele disse que o país não irá mais espionar rotineiramente as nações aliadas e as comunicações de seus líderes. O presidente americano disse ainda já ter repassado a ordem aos serviços de informação para que isso não volte a ocorrer "a menos que a segurança nacional esteja ameaçada".
Por vários momentos no discurso, Obama disse que os países amigos podem confiar. Porém, disse que o paíse não irá se desculpar por fazer "o que serviços de inteligência de qualquer outra nação faz". "Nós não vamos nos desculpar simplesmente porque nossos serviços podem ser mais eficazes. Mas chefes de Estado e governo com quem trabalhamos, e de cuja cooperação dependemos, podem se sentir confiantes de que estamos tratando-os como verdadeiros parceiros".
Os Estados Unidos enfrentaram uma crise diplomática com diversos países aliados depois que o ex-técnico de informática da NSA Edward Snowden vazou documentos sobre a espionagem norte-americana. Os documentos apontaram que líderes mundiais foram monitorados, como a presidenta Dilma Rousseff e a chanceler alemã Angela Merkel.
Depois do escândalo, Brasil e Alemanha cobraram explicações de Obama e apresentaram, em conjunto, um projeto de resolução na Organização das Nações Unidas (ONU) chamado O Direito à Privacidade na Era Digital. A Assembleia Geral da ONU aprovou a resolução em dezembro.

Edição: Carolina Pimentel
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Ucranianos protestam contra novas leis

Internacional



Ucranianos protestam contra novas leis
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-19/ucranianos-protestam-contra-novas-leis
Jan 19th 2014, 16:01

Da Agência Brasil*



Brasília – Milhares de ucaranianos participam hoje (19) de manifestação contra a aprovação de novas leis que reforçam sanções contra os manifestantes. Cerca de 200 mil pessoas participam do ato perto da sede do governo, segundo informações da Agência Lusa.
As novas leis, aprovadas pelo presidente Viktor Ianukovitch, introduzem ou reforçam as sanções contra os manifestantes e obrigam, tal como na Rússia, as organizações não governamentais (ONG), que têm financiamento de outros países, se registrarem como "agentes estrangeiros".
Este termo, aplicado aos adversários da era estalinista, ressurgiu na legislação russa em 2012, após uma onda de desafios durante o governo do presidente Vladimir Putin. Diversos países alertaram as autoridades ucranianas sobre o uso indevido do termo.
De acordo com a Agência Lusa, manifestantes e a polícia entraram em confronto e, pelo menos, duas pessoas ficaram feridas. O confronto começou após manifestantes tentarem romper um cordão policial, próximo à sede do Executivo. Um dos carros da polícia foi incendiado, conforme a agência. Os manifestantes lançaram bombas caseiras e a polícia reagiu com gás lacrimogêneo.
* Com informações da Agência Lusa
Edição: Carolina Pimentel
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Papa Francisco pede a refugiados que não percam a esperança

Internacional



Papa Francisco pede a refugiados que não percam a esperança
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-19/papa-francisco-pede-refugiados-que-nao-percam-esperanca
Jan 19th 2014, 14:10

Mariana Jungmann

Repórter da Agência Brasil
Brasília – A situação precária enfrentada por milhões de migrantes e refugiados em todo o mundo foi o tema da oração dominical do papa Francisco hoje (19). Durante a Oração do Angelus, na Praça São Pedro, na cidade do Vaticano, o papa lembrou que hoje é o Dia Mundial do Migrante e do Refugiado e pediu "o fim dos mercadores de carne humana", se referindo a quem tira proveito da situação dessas pessoas.
Francisco lembrou que os migrantes precisam ser defendidos daqueles que querem escravizá-los e devem ter suas culturas respeitadas nos países onde se refugiarem. Ele também pediu a acolhida dos refugiados.
O papa também dirigiu-se diretamente aos migrantes e refugiados pedindo que eles não desistam. "Não perca a esperança por um mundo melhor! Faço votos de que vocês possam viver em paz nos países que os acolhem, custodiando seus valores culturais de origem", disse Francisco, de acordo com a agência de notícias do Vaticano.
Um encontro com migrantes e refugiados em Roma estava marcado para esta tarde. Ao fim do sermão, o papa pediu que as milhares de pessoas presentes na Praça São Pedro rezassem pelos refugiados.}


Edição: Carolina Pimentel
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Presidência síria nega declarações atribuídas a Bashar Al Assad

Internacional



Presidência síria nega declarações atribuídas a Bashar Al Assad
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-19/presidencia-siria-nega-declaracoes-atribuidas-bashar-al-assad
Jan 19th 2014, 11:02

Da Agência Lusa
Damasco – A presidência síria negou hoje (19) as afirmações que foram atribuídas ao presidente da Síria durante uma reunião com deputados russos, nas quais afirma que não tem intenção de deixar o poder.
"O que a agência de notícias russa Interfax publicou como declarações do presidente Bashar Al Assad está errado", disse o serviço de imprensa da presidência síria, em comunicado, sem explicar que parte das declarações estava errada ou mal traduzida.
O presidente da Síria, Bashar Al Assad, foi citado hoje como dizendo que se tivesse um plano para se demitir, já o tinha executado, e acrescentou que só o povo sírio é que tem o poder de determinar o futuro do país.
"Se nos quiséssemos render, tínhamos nos rendido logo no princípio", disse o presidente a um conjunto de deputados do Parlamento russo, durante uma visita a Damasco, citado pela AFP, que usou a notícia publicada pela agência noticiosa russa Interfax.
"Este assunto não está em discussão", respondeu o chefe de Estado, quando lhe pediram um comentário aos pedidos da oposição local e de vários países no Ocidente, que defendem que ele deve se demitir e convocar eleições antecipadas.
"Só o povo sírio pode decidir quem deve participar nas eleições", acrescentou na intervenção, traduzida para russo.
As declarações surgem a poucos dias da reunião Genebra 2, uma conferência para a paz na Síria, na próxima quarta-feira (22).
O presidente da Coligação Nacional Síria, Ahmad Jarba, afirmou no sábado (18) em Istambul, Turquia, que a oposição irá à Conferência de Paz de Genebra com o único objetivo de "se livrar" do presidente Bashar Al Assad.
"As negociações de Genebra têm como único propósito atender às exigências da revolução […] e antes de mais nada retirar ao talhante [Assad] todos os seus poderes", disse Ahmad Jarba.
O conflito na Síria já provocou perto de 130 mil mortos desde março de 2011, de acordo com as Nações Unidas.



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Pelo menos 21 pessoas morrem durante atentado em restaurante no Afeganistão

18 de janeiro de 2014

Internacional



Pelo menos 21 pessoas morrem durante atentado em restaurante no Afeganistão
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-18/pelo-menos-21-pessoas-morrem-durante-atentado-em-restaurante-no-afeganistao
Jan 18th 2014, 13:13

Da Agência Brasil*
Brasília - Pelo menos 21 pessoas morreram em um atentado em Cabul, no Afeganistão, segundo fontes oficiais. Um policial dinamarquês, um funcionário russo das Nações Unidas, um cidadão britânico e dois norte-americanos estão entre as vítimas. O Ministério dos Negócios Estrangeiros da Rússia informou hoje (17) que o atentado da noite de ontem (16) matou um funcionário russo das Nações Unidas, e destacou que o ataque veio demonstrar que o "terrorismo está em ascensão no Afeganistão".
A embaixada dos Estados Unidos confirmou que pelo menos dois cidadãos norte-americanos estavam entre as vítimas do ataque, ocorrido num restaurante de Cabul. O embaixador, James Cunningham, condenou o ataque, classificando-o de "ato vergonhoso" e lembrou que "as vítimas estavam unidas pelo sentimento de humanidade compartilhada e pelo compromisso de ajudar a construir um futuro de paz para o Afeganistão".
A chefe da diplomacia da União Europeia, Catherine Ashton, declarou-se "triste com a morte de um membro dinamarquês da força policial da União Europeia e de um britânico que trabalhava na proteção da missão". "Condeno veementemente essa violência terrível e injustificável", disse Ashton, garantindo que "a União Europeia continua empenhada em continuar a apoiar o povo afegão".
Pelo menos 21 pessoas morreram, incluindo treze estrangeiros. O ataque ocorreu na hora do jantar, quando dois desconhecidos dispararam diversas vezes no interior do estabelecimento, relataram fontes oficiais. O ataque à Taverna do Líbano foi de imediato assumido pelos talibãs, que combatem o governo afegão e as forças internacionais estacionadas no país lideradas pelos Estados Unidos.
Edição: Talita Cavalcante
*Com informações da Agência Lusa



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Vaticano diz que cerca de 400 padres foram afastados por suspeita de pedofilia

Internacional



Vaticano diz que cerca de 400 padres foram afastados por suspeita de pedofilia
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-18/vaticano-diz-que-cerca-de-400-padres-foram-afastados-por-suspeita-de-pedofilia
Jan 18th 2014, 13:23

Agência Lusa
Cidade do Vaticano - O Vaticano disse hoje (18) que cerca de 400 padres foram afastados durante o pontificado do papa Bento XVI, devido às queixas de crianças abusadas sexualmente por clérigos.
"Em 2012, foram cerca de 100, enquanto que em 2011 foram cerca de 300", disse o porta-voz do Vaticano Federico Lombardi.
No entanto, a organização Snap, que junta vítimas de abusos sexuais por parte de membros da Igreja, disse em comunicado que essas medidas disciplinares não são suficientes e que "o papa deve afastar também os clérigos que encobriram crimes sexuais".
As revelações dos crimes sexuais cometidos por membros do clero e o encobrimento pelos seus bispos começaram na Irlanda e nos Estados Unidos há mais de uma década e têm abalado a Igreja Católica.
Bento XVI, que renunciou o ano passado e foi substituído pelo papa Francisco, prometeu tolerância zero para os sacerdotes que cometeram os abusos e o Vaticano informou que recebeu milhares de relatos de abuso de dioceses locais.
Em uma ação inédita, uma delegação do Vaticano teve de dar, no início desta semana, respostas às Nações Unidas sobre o seu compromisso para acabar com os abusos sexuais de menores por padres diante da Comissão de Direitos da Criança, em Genebra.
O papa Francisco disse na quinta-feira (16) que os católicos devem sentir "vergonha" pelos escândalos, mas as associações que juntam as vítimas dizem que ainda há falta de transparência e que não foi feito o suficiente para denunciar os abusos à polícia.
"As autoridades católicas devem ajudar a garantir que os clérigos que abusaram de crianças são acusados criminalmente", relatou o Snap em comunicado.





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Ministério da Defesa vai enviar dois aviões Hércules para ajudar no combate a incêndios no Chile

17 de janeiro de 2014

Internacional



Ministério da Defesa vai enviar dois aviões Hércules para ajudar no combate a incêndios no Chile
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/ministerio-da-defesa-vai-enviar-dois-avioes-hercules-para-ajudar-no-combate-incendios-no-chile
Jan 17th 2014, 19:24

Da Agência Brasil
Brasília - O Ministério da Defesa (MD) anunciou hoje (17) que o Brasil vai enviar para o Chile dois aviões Hércules C-130 com tripulação da Força Aérea Brasileira (FAB) para ajudar no combate a incêndios naquele país. Os aviões sairão da Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, amanhã (18) em direção ao Aeroporto Carriel Sur, em Concepcion, no sul do Chile. Os Hércules viajarão equipados com o sistema de combate a incêndios Maffs (Modular Airbone Fire-Fighting System).
A medida foi autorizada hoje pelo ministro Celso Amorim, a partir de um pedido da embaixada chilena no Brasil ao Ministério das Relações Exteriores (MRE). Incêndios na região central do país levaram o presidente do Chile, Sebastián Piñeira, a decretar alerta sanitário para a capital Santiago e para as regiões metropolitanas de Valparaíso, del Maule e Araucanía.

Edição: Fábio Massalli
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. É necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Obama diz que nações amigas podem confiar no trabalho de vigilância norte-americano

Internacional



Obama diz que nações amigas podem confiar no trabalho de vigilância norte-americano
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/obama-diz-que-nacoes-amigas-podem-confiar-no-trabalho-de-vigilancia-norte-americano
Jan 17th 2014, 18:45

Marcelo Brandão

Repórter da Agência Brasil
Brasília - Em seu anúncio de hoje (17) sobre as alterações nos serviços de espionagem dos Estados Unidos, o presidente Barack Obama fez várias referências às nações amigas, reiterando que elas podem confiar no trabalho de vigilância norte-americano.
Por vários momentos em seu discurso, Obama reforçou a confiança e aproximação do seu país com aliados. Ele chegou a dizer que, caso queira saber o que os aliados pensam sobre um assunto, "pegará o telefone e ligará para eles". O presidente norte-americano também ressaltou mais de uma vez que não monitora e-mails ou ligações de cidadãos comuns.
No entanto, mesmo enfatizando estreitas relações de confiança com líderes aliados, Obama fez questão de não se desculpar por fazer "o que serviços de inteligência de qualquer outra nação faz". "Nós não vamos nos desculpar simplesmente porque nossos serviços podem ser mais eficazes. Mas chefes de estado e governo com quem trabalhamos, e de cuja cooperação dependemos, podem se sentir confiantes de que estamos tratando-os como verdadeiros parceiros".
Obama esclareceu ainda que a coleta de metadados – informações sobre ligações telefônicas – não alcançavam a identidade de quem fazia a ligação ou mesmo seu conteúdo. Segundo ele, as informações coletadas eram sobre o registro dos números de telefone, hora e duração da chamada, o que, segundo ele, poderia ser consultado caso houvesse suspeitas de que determinado número estivesse ligado à organizações terroristas.
O discurso de Obama foi uma resposta às críticas recebidas após revelações de espionagem maciça fornecidas pelo ex-técnico da Agência de Segurança Nacional (NSA – sigla em inglês), Edward Snowden, aos jornais Washington Post (EUA) e The Guardian (Grã-Bretanha). As denúncias provocaram um conflito diplomático ao tornar público que os serviços secretos norte-americanos espionaram as comunicações na Europa e na América, incluindo as de líderes políticos como a chanceler alemã Angela Merkel e a presidenta do Brasil, Dilma Rousseff.
As repercussões do caso geraram, inclusive, um documento da Organização das Nações Unidas (ONU) se manifestando contra a espionagem digital. Segundo o documento, que trata de ações "extraterritoriais de Estados em matéria de coleta de dados, monitoramento e interceptação de comunicações", as pessoas devem ter garantidos, no ambiente digital, os mesmos direitos que têm fora dele. Richard Leon, um juiz federal norte-americano, também se manifestou a respeito, considerando que o programa de espionagem da NSA poderia ser considerado inconstitucional.

Edição: Fábio Massalli
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. É necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Estados Unidos anunciam mudanças nos serviços de inteligência

Internacional



Estados Unidos anunciam mudanças nos serviços de inteligência
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/estados-unidos-anunciam-mudancas-nos-servicos-de-inteligencia
Jan 17th 2014, 16:39

Da Agência Brasil*

Brasília – O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou hoje (17) mudanças nos serviços de inteligência do país. Em discurso, ele disse que os serviços de informações não irão espionar rotineiramente países considerados aliados.
"Fui muito claro para os serviços de informação: a menos que a segurança nacional esteja em jogo, não iremos espionar as comunicações dos líderes dos países aliados mais próximos e nossos amigos", afirmou.
Obama havia informado, no dia 10 deste mês, que faria o anúncio das mudanças, mas que elas ainda estavam sendo definidas. A medida altera a regulação dos programas de vigilância norte-americanos, tão criticados após as denúncias feitas pelo consultor de informática Edward Snowden, que prestava serviços à Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês).
As revelações sobre casos de espionagem maciça fornecidas por Snowden aos jornais Washington Post, dos Estados Unidos, e The Guardian, da Grã-Bretanha, provocaram mal-estar diplomático, ao tornar público que os serviços secretos norte-americanos espionaram as comunicações em diversos países. Entre os líderes que tiveram as comunicações monitoradas pelo serviço norte-americano estavam a chanceler alemã Angela Merkel e a presidenta do Brasil, Dilma Rousseff.
Em dezembro, a Assembleia Geral das Nações Unidas aprovou, por unanimidade, o projeto de resolução O Direito à Privacidade na Era Digital, apresentado por Brasil e Alemanha como reação às denúncias de espionagem internacional praticada pelos Estados Unidos em meios eletrônicos e digitais.
*Com informações da Agência Lusa


Edição: Nádia Franco



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Refugiados do Sudão do Sul podem ultrapassar 100 mil até final do mês, diz ONU

Internacional



Refugiados do Sudão do Sul podem ultrapassar 100 mil até final do mês, diz ONU
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/refugiados-do-sudao-do-sul-podem-ultrapassar-100-mil-ate-final-do-mes-diz-onu
Jan 17th 2014, 14:59

Da Agência Lusa
Genebra – Mais de 86 mil pessoas fugiram dos combates no Sudão do Sul para países vizinhos desde meados de dezembro, segundo dados divulgados hoje (17) pela Organização das Nações Unidas (ONU), que prevê que os refugiados ultrapassem os 100 mil no final de janeiro.
"Desde meados de dezembro, […] mais de 86.000 sul-sudaneses refugiaram-se nos países vizinhos. Se as pessoas continuarem a chegar a uma média de perto de 1.000 por dia, esperamos que o número de refugiados ultrapasse os 100.000 até ao final de janeiro", declarou um porta-voz do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), Adrian Edwards, em uma conferência de imprensa em Genebra.
Metade dos refugiados fugiu para o Uganda (46.500), mais de 20.600 encontram-se na Etiópia, pelo menos 8.900 estão no Quênia e cerca de 10.000 refugiaram-se no Sudão, segundo o Acnur, que disse precisar de US$ 58,8 milhões para responder às necessidades humanitárias causadas pela crise.
Diante da grave situação, a agência da ONU prevê construir campos de refugiados e aumentar os que já existem em Uganda, na Etiópia e no Quênia.
No interior do Sudão do Sul, as pessoas deslocaram-se para perto das fronteiras e estão prontas para atravessar se a situação piorar, disse Edwards, sem indicar números.
A ONU estima em cerca de 468 mil o número de deslocados devido aos combates no Sudão do Sul desde 15 de dezembro.
O conflito foi desencadeado por uma luta de poder entre o presidente Salva Kiir e seu ex-vice-presidente Riek Machar e corre o risco de se transformar em uma guerra civil, já tendo causado milhares de mortes.



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Síria: regime está pronto para tomar medidas humanitárias e cessar ataques em Aleppo

Internacional



Síria: regime está pronto para tomar medidas humanitárias e cessar ataques em Aleppo
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/siria-regime-esta-pronto-para-tomar-medidas-humanitarias-e-cessar-ataques-em-aleppo
Jan 17th 2014, 11:39

Da Agência Brasil*
Brasília - O poder sírio está pronto para tomar uma série de medidas humanitárias, libertar prisioneiros e aplicar um plano de cessar-fogo na província de Aleppo, anunciaram hoje (17) os chefes da diplomacia síria e russa em Moscou. Aleppo, uma das principais frentes do conflito que devasta o país há mais de dois anos e meio, está dividida, desde o verão de 2012, entre as áreas rebeldes e os setores controlados pelo regime.
Essas propostas respondem a algumas das condições da oposição síria no exílio, que vai decidir hoje (17), em Istambul, na Turquia, a participação na Conferência de Paz Genebra 2, prevista para 22 de janeiro em Montreux, na Suíça.
"Notamos que o governo sírio está pronto, e isso foi confirmado hoje pelo ministro [sírio], para tomar uma série de medidas de caráter humanitário, nomeadamente em resposta aos nossos apelos", declarou o ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Lavrov, ao final de uma reunião, com o colega sírio Walid Muallem.
Muallem indicou que o regime de Bashar Al Assad estava pronto para fazer trocas de prisioneiros de guerra. "Informei ao ministro Lavrov que estávamos prontos para trocar detidos por prisioneiros capturados pelo campo contrário", disse.
Damasco transmitiu a Moscou um plano para garantir a segurança na região de Aleppo, de acordo com o ministro. "Tendo em conta o papel da Rússia para pôr fim ao banho de sangue na Síria, bem como nossas relações de confiança, transmiti hoje ao ministro Lavrov um plano de várias medidas para garantir a segurança em Aleppo", disse Muallem.
"Pedi ao ministro Lavrov que estabeleça os contatos necessários para realizar este plano, para determinar o momento exato do fim de todas as ações militares nesta região", acrescentou.
Na segunda-feira (13), durante um encontro entre Lavrov e o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, em Paris, os Estados Unidos e a Rússia apelaram para "um cessar-fogo" limitado geograficamente, antes da conferência de paz. Esse cessar-fogo foi uma das condições apresentadas pela Coligação da Oposição Síria para participar na Conferência de Paz Genebra 2.
Lavrov, Kerry e o enviado especial da Liga Árabe e da ONU para a Síria, Lakhdar Brahimi, defenderam as "trocas de prisioneiros" entre os rebeldes e o regime sírio e a criação de "corredores humanitários" na Síria, exigidos pela Coligação da Oposição.
A Conferência Genebra 2 tentará encontrar uma solução política capaz de pôr fim à guerra civil na Síria, que já fez mais de 130 mil mortos e milhões de refugiados e deslocados desde março de 2011.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Talita Cavalcante



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Brasil faz doação de US$ 300 mil para ajuda humanitária na Síria

Internacional



Brasil faz doação de US$ 300 mil para ajuda humanitária na Síria
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/brasil-faz-doacao-de-us-300-mil-para-ajuda-humanitaria-na-siria
Jan 17th 2014, 10:58

Ana Cristina Campos

Repórter da Agência Brasil
Brasília - O governo brasileiro anunciou, por ocasião da 2ª Conferência Internacional de Doadores para a Síria, no Kuwait contribuição de US$ 300 mil para apoiar iniciativa conjunta entre o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados e o Fundo das Nações Unidas para a Infância no âmbito da estratégia lançada pelo secretário-geral das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon para evitar a "geração perdida na Síria".
De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, os recursos deverão ser direcionados a programas de educação e proteção que contribuam para tirar mais de 1 milhão de crianças sírias da miséria, do isolamento e de situações traumáticas. Esse é o número estimado de crianças que hoje se encontram refugiadas como consequência do conflito na Síria, segundo as agências da ONU.
A conferência internacional arrecadou US$ 2,4 bilhões nessa quarta-feira (15). O montante equivale a quase 40% do apelo total para a assistência humanitária no país em 2014, que é US$ 6,5 bilhões.
De acordo com o Escritório das Nações Unidas para Assuntos Humanitários, as doações devem ajudar os sírios que estão abrigados em lugares de difícil acesso, especialmente as crianças, que não contam com assistência médica e educação. "A assistência humanitária é a diferença entre a vida e a morte, a esperança e o desespero. Ela já ajudou milhões de pessoas afetadas por essa crise", disse Ban Ki-moon.
O evento aconteceu uma semana antes da Conferência Genebra II, em que representantes de cerca de 30 países – incluindo o Brasil – vão negociar uma solução política para a crise na Síria, que já matou mais de 100 mil pessoas desde o levante contra o presidente Bashar Al Assad em março de 2011.
"Esta é a maior crise humanitária que enfrentamos hoje", disse a coordenadora humanitária da ONU, Valerie Amos, acrescentando que apesar das restrições, as agências e organizações humanitárias conseguiram aumentar as suas atividades no país em 2013.

Edição: Valéria Aguiar
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Temporais deixam 34 mortos nas Filipinas

Internacional



Temporais deixam 34 mortos nas Filipinas
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/temporais-deixam-34-mortos-nas-filipinas
Jan 17th 2014, 09:13

Da Agência Brasil*
Brasília - As autoridades filipinas elevaram hoje (17) para 34 o número de mortos devido a inundações e deslizamentos de terras provocados pela forte chuva que atinge o Sul do arquipélago. Segundo os dados do Conselho Nacional de Gestão e Redução de Risco de Desastre, há 65 feridos e sete pessoas desaparecidas em consequência de 13 deslizamentos de terras e seis inundações registradas na região de Mindanao desde sábado (11).
No total, 460 mil pessoas em 14 províncias das Filipinas foram afetadas pela forte chuva e mais de 212 mil foram forçadas a abandonar suas casas e estão alojadas em centros de acolhimento. Além disso, 57 estradas e 21 pontes foram interrompidas ao trânsito e 1,3 mil casas, total ou parcialmente danificadas.
As tempestades levaram ao cancelamento dezenas de voos domésticos e mais de 7 mil viagens de navio na última semana. O desmatamento, as minas ilegais, a escassez de infraestruturas e a existência de bairros de construção precária aumentam os efeitos devastadores da forte chuva e das frequentes tempestades que atingem o arquipélago.
Os temporais ocorrem dois meses depois do Tufão Haiyan, que arrasou uma boa parte do centro do arquipélago. As vítimas do tufão, que provocou mais de 6,2 mil mortos nas Filipinas, continuam necessitando de ajuda. O alerta foi feito pelo Gabinete de Coordenação Humanitária das Nações Unidas que disse, por meio da subsecretária-geral da ONU para Assuntos Humanitários, Valerie Amos, que o "nível de devastação e de necessidades humanitárias continua muito elevado".
"Estou particularmente preocupada por só conseguimos cerca de 20% dos fundos necessários para fornecer ferramentas e materiais às populações que pretendem reconstruir as suas casas", disse.
Em dezembro, Valerie Amos apresentou um plano em que pedia US$ 788 milhões para ajudar mais de 3 milhões de pessoas afetadas pela tempestade e que também beneficiariam outros 7 milhões de filipinos.
Segundo os últimos números oficiais das autoridades filipinas, 6,2 mil pessoas morreram devido à passagem do Tufão Haiyan que atingiu as Filipinas com ventos superiores a 315 quilômetros por hora e com ondas de 10 metros de altura. Outras 28.626 pessoas ficaram feridas e 1.785 continuam desaparecidas.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Talita Cavalcante



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

China anuncia quarta morte por gripe aviária em 2014

Internacional



China anuncia quarta morte por gripe aviária em 2014
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/china-anuncia-quarta-morte-por-gripe-aviaria-em-2014
Jan 17th 2014, 09:30

Da Agência Brasil*
Brasília - A China anunciou hoje (17) a morte de uma pessoa em Yangjiang, na província de Guangdong, devido ao vírus H7N9 da gripe aviária. Com esta morte, a China contabiliza, pelo menos, quatro vítimas da gripe aviária H7N9 este ano. A vítima não foi identificada, mas a imprensa chinesa disse que a morte ocorreu na quarta-feira (15) devido à insuficiência respiratória, informou a agência Xinhua citando fontes médicas locais.
Uma pessoa morreu há cerca de uma semana também na província de Guangdong e duas faleceram nas províncias de Zhejiang e Guizhou em decorrência da gripe aviária.
O tipo H7N9 foi identificado pela primeira vez na China em fevereiro do ano passado e voltou a reacender o receio de que o vírus da gripe das aves possa sofrer mutações tornando-se facilmente transmissível entre pessoas, elevando as hipóteses de pandemia. Em 2013, a China contabilizou oficialmente 45 mortos devido à doença.
Na antiga colônia britânica de Hong Kong estão confirmadas duas mortes este ano devido ao H7N9.
Os especialistas acreditam que o vírus é transmitido principalmente por meio do contato com aves ou seus produtos derivados, secreções e excrementos. Há suspeita de que ele possa ser transmitido entre humanos, o que ainda não foi provado.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Talita Cavalcante



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Cúpula do Mercosul é adiada para meados de fevereiro

Internacional



Cúpula do Mercosul é adiada para meados de fevereiro
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-17/cupula-do-mercosul-e-adiada-para-meados-de-fevereiro
Jan 17th 2014, 05:46

Monica Yanakiew

Correspondente da Agência Brasil/EBC
Buenos Aires – A reunião de presidentes dos cinco países do Mercado Comum do Sul (Mercosul) - prevista para o próximo dia 31 em Caracas, na Venezuela - foi adiada pela terceira vez. A cúpula será realizada em meados de fevereiro, informou nessa quinta-feira (16) o chanceler do Paraguai, Eladio Loizaga.
A cúpula de Caracas é a primeira que contará com a presença do presidente do Paraguai desde que o pais foi suspenso do bloco regional, em 2012. Na época, os outros membros do Mercosul (Argentina, Brasil e Uruguai) questionaram a rapidez com que o Congresso paraguaio destituiu o então presidente Fernando Lugo, que teve apenas duas horas para se defender das acusações de mau desempenho no cargo. Em seu lugar ficou o vice, Federico Franco, mas durante o governo o país ficou sem voz e voto no Mercosul.
Aproveitando a ausência paraguaia, a Argentina, o Brasil e o Uruguai incorporaram a Venezuela, cuja entrada no Mercosul tinha sido, até então, vetada pelo Congresso do Paraguai - responsável também pelo impeachment de Lugo. A suspensão só ocorreu após a realização de eleições presidenciais e a posse, em agosto passado, do candidato vitorioso, Horacio Cartes.
Para regularizar a situação, faltava o novo Congresso do Paraguai reverter a decisão tomada pelo antigo, de vetar a entrada da Venezuela no bloco. Em dezembro, os parlamentares paraguaios (a exemplo dos argentinos, brasileiros e uruguaios) aprovaram a incorporação do novo membro do bloco regional. A cúpula de Caracas deveria marcar o fim de mais de um ano de disputa entre os dois países.
Segundo Loizaga, o adiamento deve-se a motivos de agenda. De qualquer forma, alguns dos chefes de Estado irão se encontrar em Cuba, nos próximos dias 28 e 29 de janeiro, na cúpula da Comunidade de Estados Latinoamericanos e Caribenhos (Celac).
Edição: Graça Adjuto
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Cartes considera um grande gesto político visita de ministros brasileiros ao Paraguai

16 de janeiro de 2014

Internacional



Cartes considera um grande gesto político visita de ministros brasileiros ao Paraguai
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/cartes-considera-um-grande-gesto-politico-visita-de-ministros-brasileiros-ao-paraguai
Jan 16th 2014, 12:14

Ana Cristina Campos *

Repórter da Agência Brasil
Brasília - A aproximação entre o Brasil e o Paraguai com a visita dos ministros do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, e das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo Machado, é considerada pelo presidente paraguaio, Horacio Cartes, "um grande gesto político" do governo da presidenta Dilma Rousseff. Segundo Cartes, seu país pode representar boa oportunidade para o Brasil desenvolver sua produção industrial.
Figueiredo Machado se reúne hoje (16) com Horacio Cartes e com o chanceler paraguaio, Eladio Loizaga Caballero, na capital Assunção, para discutir os principais temas da agenda bilateral, com ênfase em infraestrutura. Eles também vão tratar da próxima reunião da Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul, em Caracas, na Venezuela, que ocorrerá no fim do mês.
Na segunda-feira (13), Fernando Pimentel reuniu-se, em Assunção, com o ministro paraguaio da Indústria e Comércio, Gustavo Leite, e com o chanceler paraguaio. Entre outras questões, foi discutido o envio de missões paraguaias ao Brasil em 2014 para apresentar o vizinho a investidores brasileiros.
O comércio bilateral entre o Brasil e o Paraguai superou a cifra de US$ 4 bilhões em 2013, com aumento de aproximadamente 12% em relação ao ano anterior. Ao longo desse período, verificou-se também aumento de 14% nas exportações brasileiras e de 10% nas importações de produtos paraguaios, na comparação com o ano de 2012.
* Com informações da Agência IPParaguay
Edição: Valéria Aguiar



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Papa diz que é preciso sentir vergonha com os vários escândalos na Igreja

Internacional



Papa diz que é preciso sentir vergonha com os vários escândalos na Igreja
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/papa-diz-que-e-preciso-sentir-vergonha-com-os-varios-escandalos-na-igreja
Jan 16th 2014, 12:55

Da Agência Brasil *
Brasília - O papa Francisco disse hoje (16) que é preciso envergonhar-se com os vários escândalos que abalaram a Igreja Católica. Ele falou durante a homilia na tradicional missa matutina que celebra na Casa de Santa Marta, no Vaticano, onde reside.
"Mas, tivemos vergonha? Tantos escândalos que não quero mencionar individualmente, mas que todos sabemos quais são. Escândalos [pelos quais] alguns tiveram de pagar caro. E isso está bem! Deve ser assim... a vergonha da Igreja", acrescentou, de acordo com a Rádio Vaticano. "Mas, temos vergonha desses escândalos, dessas derrotas de sacerdotes, bispos e laicos?", insistiu.
O papa considerou que os responsáveis envolvidos nos escândalos "não tinham uma relação com Deus. Tinham uma posição na Igreja, uma posição de poder e também de comodidade, mas não a palavra de Deus".
Na terça-feira (14), o papa também denunciou, durante a homilia na Casa de Santa Marta, a "figura do cristão corrupto", ao falar de laicos, sacerdotes e bispos que se aproveitam da situação e dos privilégios.
O representante do Vaticano na ONU em Genebra, Silvano Tomasi, apresentou hoje à Comissão das Nações Unidas para os Direitos da Criança a resposta da Igreja aos abusos sexuais de menores por padres e outros funcionário. Ele disse que não existe "desculpa possível" para esses casos.
Tomasi acrescentou que o Vaticano formulou "diretivas" na matéria para facilitar o trabalho das igrejas locais, que desenvolveram também recomendações para evitar abusos, disse ele, citando a Carta para a Proteção das Crianças e Jovens, adotada pela Igreja Católica norte-americana em 2005.
A comissão da ONU dedica a sessão de hoje à avaliação do cumprimento pelo Vaticano dos compromissos assumidos com a ratificação da Convenção dos Direitos da Criança, em 1990, e os respectivos protocolos em 2000.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Graça Adjuto



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Vaticano lamenta casos de abusos sexuais contra menores envolvendo o clero

Internacional



Vaticano lamenta casos de abusos sexuais contra menores envolvendo o clero
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/vaticano-lamenta-casos-de-abusos-sexuais-contra-menores-envolvendo-clero
Jan 16th 2014, 11:13


Da Agência Brasil *
Brasília – O Vaticano afirmou hoje (16) que não há desculpa possível para casos de exploração e violência contra crianças, mas destacou que os agressores estão presentes "em todas as profissões, incluindo entre membros do clero e o pessoal da Igreja".
"Há responsáveis de abusos entre os membros das profissões mais respeitadas do mundo e, mais lamentavelmente, entre membros do clero e outros funcionários da Igreja", disse Silvano Tomasi, representante do Vaticano na Organização das Nações Unidas (ONU) em Genebra.
Tomasi fez a apresentação do Vaticano perante a Comissão da ONU para os Direitos da Criança, na primeira participação da Igreja Católica em um órgão que vai escrutinar os abusos sexuais de menores cometidos por sacerdotes em todo o mundo.
O chefe da delegação do Vaticano reconheceu que a questão dos abusos contra crianças é particularmente grave quando o agressor goza de grande confiança e cujo papel devia ser o de proteger a pessoa, incluindo a saúde física, emocional e espiritual. "Esta relação de confiança é crítica e requer um grande sentido de responsabilidade e respeito em relação à pessoa que se serve", disse Tomasi.
"A resposta do Vaticano ao fenômeno dos abusos sexuais de menores foi articulada em vários níveis", explicou ele, ressaltando que o Vaticano ratificou a Convenção dos Direitos da Criança em 1990 e os respectivos protocolos em 2000. Tomasi acrescentou que o Vaticano formulou "diretivas" para facilitar o trabalho das igrejas locais, que desenvolveram também recomendações para evitar abusos, disse ele, citando a Carta para a Proteção das Crianças e Jovens, adotada pela Igreja católica norte-americana, em 2005.
A comissão da ONU dedica a sessão de hoje à avaliação do cumprimento pelo Vaticano dos compromissos assumidos com a ratificação da Convenção dos Direitos da Criança.
Diante dos escândalos de abusos sexuais que vem sendo noticiados nos últimos anos, a Igreja chegou a ser acusada de tentar esconder e desvalorizar o envolvimento de sacerdotes nesses crimes em vários países. Tomasi destacou, no entanto, que o Vaticano "delineou políticas e procedimentos para ajudar a eliminar tais abusos e colaborar com as respectivas autoridades estatais para lutar contra este delito".
Perante os casos verificados de abusos sexuais de menores sob custódia ou influência de padres, a posição das autoridades eclesiásticas foi a de que o religioso deve ser submetido às leis do país onde ocorreu o crime. Tomasi garantiu que o Vaticano "está empenhado em escutar cuidadosamente as vítimas de abusos sexuais e em abordar o impacto dessas situações nos sobreviventes e suas famílias".
Depois da apresentação de Tomasi, vários peritos da comissão questionaram a delegação do Vaticano sobre a forma como foram adotados os mecanismos para investigar e punir eficazmente os culpados de abusos dentro da Igreja e sobre os programas de segurança desenvolvidos e aplicados.
A comissão pediu esclarecimentos ao Vaticano sobre como garantir "os interesses superiores da criança" acima de quaisquer outras considerações, e sobre as medidas de "reparação física e psicológica" das vítimas.
A sessão de Genebra ocorre quando a pedofilia na Igreja continua no noticiário: a direção do movimento conservador dos Legionários de Cristo, desacreditado pelo escândalo pedófilo no qual está implicado o fundador, o padre mexicano Marcial Maciel, encontra-se reunida para decidir sobre as reformas a tomar.
Em dezembro, o Vaticano recusou responder a um questionário desta comissão da ONU, enviado em julho, sobre os dossiês de pedofilia, que estão sendo examinados pela Congregação para a Doutrina da Fé.

* Com informações da Agência Lusa // Edição: Denise Griesinger

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Conferência de doadores para a Síria arrecada US$ 2,4 bilhões

Internacional



Conferência de doadores para a Síria arrecada US$ 2,4 bilhões
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/conferencia-de-doadores-para-siria-arrecada-us-24-bilhoes
Jan 16th 2014, 09:51


Da Agência Brasil *
Brasília - A 2ª Conferência Internacional de Doadores para a Síria arrecadou US$ 2,4 bilhões nessa quarta-feira (15) no Kuwait. O montante equivale a quase 40% do apelo total para a assistência humanitária no país em 2014, que é 6,5 bilhões.
De acordo com o Escritório das Nações Unidas para Assuntos Humanitários, as doações devem ajudar os sírios que estão abrigados em lugares de difícil acesso, especialmente as crianças, que não contam com assistência médica e educação.
Em janeiro do ano passado, na 1ª Conferência Internacional de Doadores para a Síria, 43 Estados-Membros da ONU se comprometeram a contribuir com US$ 1,5 bilhão para os esforços humanitários no país. Esses recursos foram utilizados para prestar assistência a milhões de pessoas na Síria e em países vizinhos, por meio de rações alimentares de emergência, assistência médica móvel, vacinas, água potável, saneamento básico e abrigo.
"A assistência humanitária é a diferença entre a vida e a morte, a esperança e o desespero. Ela já ajudou milhões de pessoas afetadas por essa crise", disse o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon.
O evento acontece uma semana antes da Conferência Genebra II, em que representantes de cerca de 30 países – incluindo o Brasil – vão negociar uma solução política para a crise na Síria, que já matou mais de 100 mil pessoas desde o levante contra o presidente Bashar Al Assad em março de 2011.
"Esta é a maior crise humanitária que enfrentamos hoje", disse a coordenadora humanitária da ONU, Valerie Amos, acrescentando que apesar das restrições, as agências e organizações humanitárias conseguiram aumentar as suas atividades no país em 2013.
O chefe da agência da ONU para Refugiados, António Guterres, disse que em poucos anos, a Síria passou de segundo maior país do mundo hóspede de refugiados para se tornar o produtor mais rápido de refugiados do planeta. São 2,3 milhões de sírios registrados como refugiados na região.
"Poucos influxos de refugiados já geraram impacto tão grande em seus países de acolhimento, com consequências demográficas, econômicas e sociais tão dramáticas. A pressão é sentida fortemente em todas as áreas da vida diária, como os aumentos nos déficits orçamentários, o baixo crescimento econômico, de empregos e salários e a instabilidade nos preços em toda a região, fazendo com que as famílias locais tenham que lutar para sobreviver", disse Guterres.
Ele ressaltou que a generosidade dos países vizinhos à Síria precisa ser acompanhada de um grande apoio internacional e que eles precisam não só de forte ajuda financeira, mas também que outros países abriguem os refugiados que não param de chegar.

Edição: Valéria Aguiar
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Fórum Econômico Mundial: crise nos orçamentos é principal preocupação

Internacional



Fórum Econômico Mundial: crise nos orçamentos é principal preocupação
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/forum-economico-mundial-crise-nos-orcamentos-e-principal-preocupacao
Jan 16th 2014, 10:12

Da Agência Brasil *
Brasília - As crises nos orçamentos das principais economias, o desemprego, a falta de água, as severas disparidades de rendimento e as dificuldades na adaptação às mudanças climáticas constituem as principais preocupações identificadas no relatório de 2014 do Fórum Econômico Mundial.
"À medida que os sistemas internacionais de finanças, as redes de abastecimento, a saúde, energia, internet e o meio ambiente se tornam mais complexos e interdependentes, o seu nível de resiliência vai determinar se se tornam baluartes da estabilidade global ou amplificadores de choques em cadeia", diz a nona edição do relatório Riscos Globais 2014, divulgado hoje (16) pelo Fórum Econômico Mundial.
"A natureza sistêmica dos riscos mais significativos obriga procedimentos e instituições que estejam globalmente coordenados, mas que sejam flexíveis localmente", acrescenta o texto.
Os principais riscos que os participantes do fórum identificaram foram as crises orçamentais nas principais economias, o desemprego ou subemprego estruturalmente alto, as crises da água, o fracasso na adaptação e mitigação das alterações climáticas e da governança global, as crises de alimentos, a falha nas maiores instituições e mecanismos financeiros, além da profunda instabilidade política e social.
O documento acrescenta que, "como os riscos globais não foram realmente atacados, os efeitos sociais, econômicos e políticos podem ter grande alcance, como se comprova nos impactos continuados da crise financeira de 2007 e 2008".
* Com informações da Agência Lusa
Edição: Graça Adjuto



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Inundações e deslizamentos de terra deixam pelo menos 13 mortos na Indonésia

Internacional



Inundações e deslizamentos de terra deixam pelo menos 13 mortos na Indonésia
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/inundacoes-e-deslizamentos-de-terra-deixam-pelo-menos-13-mortos-na-indonesia
Jan 16th 2014, 07:54

Da Agência Brasil*
Bangcoc - Pelo menos 13 pessoas morreram e 40 mil tiveram de abandonar as suas casas em consequência das cheias e dos deslizamentos de terra causados pelas chuvas intensas na Região Central da Indonésia, informou hoje (16) a imprensa local.
Sutopo Purwo Nugroho, da Agência Nacional de Mitigação de Desastres, disse que a chuva forte provocou grandes cheias e deslizamentos de terra nas zonas montanhosas, ao norte da Ilha de Célebes. As chuvas afetam especialmente a capital da província, Manado.
Todos os anos, a Indonésia é atingida por inundações durante a estação de chuvas, sobretudo de dezembro a fevereiro.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Graça Adjuto



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Venezuela quer retomar diálogo com os Estados Unidos

Internacional



Venezuela quer retomar diálogo com os Estados Unidos
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/venezuela-quer-retomar-dialogo-com-os-estados-unidos
Jan 16th 2014, 08:19

Da Agência Brasil
Caracas – O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse que seu governo está disponível para retomar o diálogo com os Estados Unidos em uma base de "respeito mútuo" e caminhar para uma relação positiva.
"Sobre o fundamento básico do respeito, é possível retomar os temas abordados" pelos responsáveis pelas pastas das Relações Exteriores, disse Maduro, lembrando o encontro, em junho passado, entre o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, e Elías Jaua, o chanceler venezuelano.
Apesar da disponibilidade, Maduro condiciona a retomada do diálogo ao fim de incidentes como a proibição do governo Barack Obama à passagem do avião presidencial venezuelano no espaço aéreo dos Estados Unidos, como ocorreu em setembro quando ele se deslocou à China.
Para Nicolás Maduro, os Estados Unidos terão de entender que a Venezuela é um "país verdadeiramente independente". Ele considerou algumas posições norte-americanas como "infantis".
A Venezuela e os Estados Unidos mantêm as suas embaixadas com encarregados de negócios depois de terem ficado sem embaixadores, no fim de 2010.
Nos últimos meses, a Venezuela cancelou, em duas ocasiões, iniciativas para manter o diálogo com os Estados Unidos, em reação a comentários de funcionários norte-americanos que considerou ingerência.
Os dois países voltaram a ter problemas de relacionamento em setembro, quando Nicolás Maduro expulsou três funcionários da embaixada norte-americana em Caracas por suspeita de intervenção em assuntos internos.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Graça Adjuto



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Papa substitui comissão de cardeais que supervisiona Banco do Vaticano

15 de janeiro de 2014

Internacional



Papa substitui comissão de cardeais que supervisiona Banco do Vaticano
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-15/papa-substitui-comissao-de-cardeais-que-supervisiona-banco-do-vaticano
Jan 15th 2014, 17:42

Da Agência Lusa
Cidade do Vaticano – O papa Francisco substituiu hoje (15) a comissão de cardeais que supervisiona o Instituto para as Obras Religiosas (IOR), que equivale ao Banco do Vaticano.
Da antiga comissão, só o cardeal francês Jean-Louis Tauran, conhecido na Cúria Romana pelo rigor, vai continuar. O antigo secretário de Estado cardeal Tarcisio Bertone, braço direito do papa emérito Bento XVI, foi destituído do órgão.
Ao lado de Tauran, vão estar o novo secretário de Estado Pietro Parolin, o cardeal de Viena Christoph Schonborn, uma das figuras mais respeitadas do episcopado europeu, o de Toronto (Canadá) Thomas Christopher Collins e o Arcipreste da Basílica de Santa Maria Maior, cardeal espanhol Santos Abril y Castelló.
A comissão, que controla tudo no IOR com relação ao papa, tem um mandato de cinco anos. É um dos organismos que gere o instituto, e tem sido alvo de críticas pela atuação e acusado de suposta lavagem de dinheiro.
O papa Francisco consultou, desde o verão, peritos sobre como reformar o IOR. As 19 mil contas do banco estão sendo investigadas, uma a uma.
Além de Bertone, saem da comissão mais três cardeais: o italiano Domenico Calcagno, o brasileiro Odilo Scherer e o indiano Telesphore Toppo. O papa decidiu não esperar o fim do mandato para proceder a mudanças.
A comissão de peritos, nomeada no verão passado por Francisco, deverá apresentar as primeiras conclusões na próxima reunião de cardeais (grupo de oito cardeais encarregados pelo papa da reforma das instituições do Vaticano), em fevereiro.



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Chefe da ONU para Direitos Humanos denuncia lei contra homossexuais na Nigéria

Internacional



Chefe da ONU para Direitos Humanos denuncia lei contra homossexuais na Nigéria
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-15/chefe-da-onu-para-direitos-humanos-denuncia-lei-contra-homossexuais-na-nigeria
Jan 15th 2014, 13:35

Da Agência Brasil*
Brasília - A nova lei nigeriana que criminaliza a comunidade de lésbicas, gays, bissexuais e transexuais (LGBT), assim como organizações, atividades e pessoas que os apoiem, foi classificada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como "draconiana". A alta comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Navi Pillay, se disse alarmada pelo rigor da legislação.
A lei prevê penas de 14 anos de prisão para quem estabelecer união do mesmo sexo e dez anos de prisão para quem administre, testemunhe, incite ou ajude o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
"Raramente vi uma lei que em tão poucos parágrafos viole diretamente tantos direitos humanos básicos e universais", afirmou Navi nessa terça-feira (14). "Direitos à privacidade e a não discriminação, direitos à liberdade de expressão, associação e reunião, direitos à liberdade de prisões e detenções arbitrárias: esta lei destrói todos eles."
O Senado da Nigéria aprovou em dezembro uma versão revisada do projeto de lei para a proibição do casamento entre pessoas do mesmo sexo e o presidente, Goodluck Jonathan, transformou o ato em lei no início deste mês.
A alta comissária alertou também para o risco de a lei reforçar preconceitos existentes contra membros da comunidade LGBT e provocar um aumento da violência e da discriminação. Navi Pillay disse ter esperança de que a Suprema Corte da Nigéria revise a constitucionalidade da nova lei assim que possível.
"Esta nova lei draconiana torna uma situação já ruim em muito pior. Ela propõe banir cerimônias de casamento entre pessoas do mesmo sexo, mas, na realidade, faz muito mais do que isso", acrescentou. "Ela transforma qualquer um que participe, testemunhe ou ajude a organizar um casamento de pessoas do mesmo sexo em criminoso. Pune pessoas por demonstrar qualquer afeição em público por alguém do mesmo sexo. E, ao banir organizações gays, põe em risco o trabalho vital de defensores dos direitos humanos que falam pelos direitos de gays, lésbicas, bissexuais, transexuais e travestis."
O Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (Unaids) e o Fundo Global, apoiado pela ONU, para combater a aids, tuberculose e malária, expressaram preocupações similares. As instituições temem que a nova lei impeça o acesso a serviços essenciais para comunidades LGBT que podem estar em risco elevado de infecção pelo HIV, já que, de acordo com o Unaids, a Nigéria tem a segunda maior epidemia do vírus no mundo.
*Com informações da ONU
Edição: Graça Adjuto



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Doadores internacionais prometem conseguir mais de USS 1 bilhão para ajuda humanitária à Síria

Internacional



Doadores internacionais prometem conseguir mais de USS 1 bilhão para ajuda humanitária à Síria
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-15/doadores-internacionais-prometem-conseguir-mais-de-uss-1-bilhao-para-ajuda-humanitaria-siria
Jan 15th 2014, 13:06

Da Agência Brasil*
Brasília - Os doadores internacionais reunidos no Kuwait prometeram hoje (15) conseguir mais de US$ 1 bilhão destinados à ajuda humanitária às vítimas da guerra na Síria, correspondendo aos apelos do secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon. A reunião no Kuwait ocorre uma semana antes do encontro Genebra 2, a conferência que pretende encontrar soluções políticas para o conflito, que se prolonga há quase três anos e já fez mais de 130 mil mortos na Síria.
Os delegados de 70 países e de 24 organizações internacionais estão reunidos hoje na Conferência Humanitária de Doadores para a Síria promovida pelo secretário-geral das Nações Unidas, que afirmou que metade da população síria precisa urgentemente de apoio humanitário.
"Metade da população síria, 9,3 milhões de pessoas, precisa de auxílio humanitário urgente", disse Ban Ki-moon aos participantes, ressaltando que mais de 3 milhões de pessoas já abandonaram o país em virtude da guerra. "Estou particularmente preocupado com as informações sobre a fome na Síria", disse o secretário-geral das Nações Unidas.
O emir (comandante) do Kuwait anunciou na abertura da sessão que o emirado vai fazer uma doação de US$ 500 milhões, e o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, disse que os Estados Unidos vão doar mais US$ 380 milhões de dólares, aumentando para US$ 1,7 bilhão o valor da contribuição de Washington.
A Arábia Saudita e o Qatar, países que são contra o regime de Bashar Al Assad, vão doar US$ 60 milhões cada.
O Reino Unido prometeu US$ 164 milhões, a Noruega, US$ 75 milhões, a Dinamarca, US$ 36 milhões e o Iraque anunciou que vai doar US$ 13 milhões. A União Europeia anunciou uma nova contribuição de US$ 225 milhões, aumentando para US$ 2 bilhões o total da ajuda concedida por Bruxelas às vítimas sírias.
Com a intensificação dos combates e as poucas perspectivas de uma solução política a curto prazo, os grupos de direitos humanos dizem que os fundos para apoio humanitário têm de ser conseguidos o mais rapidamente possível.
"A violência na Síria provocou uma das maiores crises humanitárias da história recente", informa a Anistia Internacional em comunicado divulgado hoje. "A resposta da comunidade internacional à crise síria tem sido totalmente inadequada, até o momento", acrescenta a nota da organização.
As Nações Unidas esperam receber US$ 2,3 bilhões destinados a ajudar mais de 9 milhões de pessoas na Síria e US$ 4,2 bilhões para auxílio direto aos refugiados.
De acordo com organizações não governamentais, mais de 10 milhões de sírios têm problemas em conseguir alimentos, mais de 1 milhão de crianças com menos de 5 anos de idade sofrem de má nutrição, metade da população não tem acesso à água potável ou a saneamento básico e 8,6 milhões de pessoas estão sem cuidados médicos.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Talita Cavalcante



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Agente consular visita brasileiro detido nos EUA após e-mails falsos de bomba em avião

Internacional



Agente consular visita brasileiro detido nos EUA após e-mails falsos de bomba em avião
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-15/agente-consular-visita-brasileiro-detido-nos-eua-apos-e-mails-falsos-de-bomba-em-aviao
Jan 15th 2014, 11:44

Ana Cristina Campos

Repórter da Agência Brasil
Brasília – Um representante do Consulado-Geral do Brasil em Miami, nos Estados Unidos, vai visitar nesta quarta-feira (15) Francisco Fernando Cruz, no Centro de Detenção Federal, para verificar as condições físicas e psicológicas do brasileiro de 22 anos, preso no dia 9 de janeiro, suspeito de ter enviado e-mails com ameaças de bomba em um avião para a polícia de Miami e para a companhia aérea TAM.
Nessa terça-feira, Cruz teve uma audiência preliminar e a Justiça não determinou fiança para o brasileiro. Ele aguarda preso a próxima audiência, marcada para 24 de janeiro. Cruz foi indiciado por ameaça à aviação comercial internacional, um delito federal. Se condenado, pode pegar pena máxima de cinco anos de prisão e pagar multa de US$ 250 mil. Segundo o Ministério das Relações Exteriores, um defensor público americano foi designado para o brasileiro, mas um assessor jurídico do consulado também vai acompanhar o caso.
De acordo com o FBI (a Polícia Federal norte-americana), no dia 8 de janeiro um e-mail foi enviado para a polícia de Miami e outro para a TAM com suposta ameaça de bomba a um voo da empresa aérea, previsto para o dia 10 de janeiro, de Miami para Brasília. A polícia identificou que os e-mails vieram de um computador da Universidade Estadual de Montclair, em Nova Jersey, e teve acesso às imagens da universidade que mostraram a pessoa que utilizou o terminal. Cruz foi identificado como o autor das mensagens. O brasileiro viajou de Nova York para Miami, onde ia pegar o voo contra o qual fez a ameaça, e foi preso no dia 9.
Em nota, a TAM informa que foi notificada pelas autoridades dos EUA sobre a suposta presença de bomba a bordo de uma de suas aeronaves. "Para garantir a segurança dos clientes e da tripulação, a companhia, como já fez em outras circunstâncias de alarme falso, reforçou a inspeção de todas as cargas despachadas, assim como dos passageiros. Após intensa investigação com às autoridades competentes, foi confirmada que a ameaça era falsa. Portanto, nenhum risco foi detectado à segurança do voo JJ8043 (Miami-Brasília). A aeronave decolou normalmente na sexta-feira (10), no horário previsto", disse o comunicado.
Edição: Graça Adjuto
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Ban Ki-moon condena roubo de ajuda humanitária no Sudão do Sul

Internacional



Ban Ki-moon condena roubo de ajuda humanitária no Sudão do Sul
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-15/ban-ki-moon-condena-roubo-de-ajuda-humanitaria-no-sudao-do-sul
Jan 15th 2014, 12:17

Da Agência Brasil*
Brasília - O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon condenou, hoje (15), "veementemente" o Exército e os rebeldes do Sudão do Sul pela "requisição de veículos humanitários e roubo de alimentos e outros materiais de ajuda humanitária".
De acordo com Martin Nesirky, porta-voz de Ban Ki-moon, as forças do governo e os rebeldes que têm protagonizado "ataques contra civis, trabalhadores humanitários e funcionários da ONU serão investigados e as Nações Unidas continuarão a proteger ativamente os civis".
Independente do Sudão desde julho de 2011, o país é palco há um mês de combates entre as forças governamentais e rebeldes. A declaração de Ban Ki-moon foi feita ontem, poucas horas depois de dezenas de civis que se refugiaram em um acampamento da ONU ficarem feridos em combates entre as forças do presidente Salva Kiir e os rebeldes liderados por Riek Machar.
O porta-voz disse que o secretário-geral da ONU também "está preocupado" com o número de mortes no conflito, que aumentou depois do naufrágio de uma balsa quando, pelo menos, 200 pessoas morreram, incluindo crianças e mulheres que fugiam dos combates na cidade de Malakal, capital do estado do Alto Nilo, no Sudão do Sul.
O secretário-geral da ONU lançou um novo apelo para um cessar-fogo, cuja mediação está sendo conduzida pelos Estados Unidos e pela União Europeia, que enviaram representantes especiais para a região.
* Com informações da Agência Lusa



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Explore o MAXX

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Cultura

Famosos
MAXX FM
Música
Sobre Rodas
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade, em especial no que tange ao uso de cookies."

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni