"Acabou a anarquia", diz presidente interino da República Centro-Africana

13 de janeiro de 2014

Internacional



"Acabou a anarquia", diz presidente interino da República Centro-Africana
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-13/acabou-anarquia-diz-presidente-interino-da-republica-centro-africana
Jan 13th 2014, 10:36

Da Agência Brasil*
Brasília - O presidente interino da República Centro-Africana, Alexandre-Ferdinand Nguendet, alertou hoje (13) as várias partes em conflito no país que a anarquia acabou na capital, Bangui. O ex-presidente Michel Djotodia e o primeiro-ministro, Nicolas Tiangaye, renunciaram aos cargos na última sexta-feira (10), depois de meses de manifestações que pediam o fim da violência que assola o país e que se intensificou no final de 2013.
"Aos ex-Séléka [milícia muçulmana], aos Anti-Balaka [milícia cristã] e aos que gostam de pilhagem, lanço-vos um aviso severo: o recreio acabou. O caos terminou, os abusos terminaram", disse Nguendet perante policiais e militares, alguns dos quais acabam de se apresentar depois de desertarem nos últimos meses.
O presidente interino assegurou que a polícia e o Exército, totalmente ausentes da capital há semanas, em 72 horas estarão envolvidos no processo de desarmamento em curso na cidade.
"Hoje é uma vergonha para a nação ver a segurança do povo centro-africano entregue a organizações regionais e internacionais", disse o interino sobre a presença de tropas das Nações Unidas (ONU) e da França no país. Cerca de 1,6 mil soldados franceses e 4 mil soldados africanos tentam restabelecer a ordem e restaurar a segurança na antiga colônia francesa.
Com 4,5 milhões de habitantes, a República Centro-Africana mergulhou no caos desde o golpe de Estado, em março de 2013, organizado pela coligação rebelde Séléka, que afastou do poder François Bozizé e declarou Michel Djotodia novo presidente do país. Em dezembro, a milícia cristã Anti-Balaka, que atuava sobretudo no Oeste, lançou uma ofensiva na capital, Bangui, contra posições da Séléka. O ataque provocou represálias à população majoritariamente cristã da capital. Desde então, mais de mil pessoas foram mortas e uma crise humanitária se instalou no país.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Talita Cavalcante



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Espalhe:

Comentário(s)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Explore o MAXX

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Cultura

Famosos
MAXX FM
Música
Sobre Rodas
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade, em especial no que tange ao uso de cookies."

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni