Governantes europeus lamentam morte de Ariel Sharon

11 de janeiro de 2014

Internacional



Governantes europeus lamentam morte de Ariel Sharon
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-11/governantes-europeus-lamentam-morte-de-ariel-sharon
Jan 11th 2014, 14:30

Yara Aquino*

Repórter da Agência Brasil
Brasília – Governantes de países europeus lamentaram a morte do ex-primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, ocorrida hoje (11), e lembraram momentos importantes da trajetória do ex-premiê. A imprensa internacional também repercutiu a morte de Sharon, que estava em estado vegetativo desde 2006, quando sofreu um acidente vascular cerebral (AVC).
Em um breve comunicado, o primeiro-ministro do Reino Unido David Cameron registrou que "Israel perdeu hoje um líder importante". Cameron acrescentou que, quando foi chefe de governo, Sharon tomou "decisões valentes e controversas na busca da paz".
A chanceler alemã Angela Merkel apresentou suas condolências a Israel pela morte de Sharon, a quem chamou de "um patriota" que tomou a "decisão valente" de evacuar os colonatos judaicos na Faixa de Gaza. Essa decisão, em 2005, constituiu um "passo histórico" no caminho da paz, acrescentou.
O presidente da França François Hollande disse que Israel perdeu um "ator maior na história do país". "Depois de uma grande carreira militar e política, ele escolheu o diálogo com os palestinos", registrou Hollande. O presidente russo Vladimir Putin enviou uma mensagem ao governo de Israel, destacando as qualidades pessoais de Sharon e o importante papel na defesa do seu país e também das "relações de amizade russo-israelitas".
A imprensa internacional também repercutiu a morte de Sharon. No site do jornal americano The New York Times, acima de uma foto de Sharon estava o título "Morre feroz defensor de uma Israel forte". O site do espanhol El País noticiou que morreu um dos líderes militares que colocou Israel em diversas guerras contra países árabes. O argentino La Nación diz que Ariel Sharon foi um dos políticos mais bem-sucedido e controverso da história de Israel. O francês Le Monde traz o título "Ariel Sharon, 'o guerreiro', está morto".
Quando entrou em coma permanente, Sharon exercia o cargo de primeiro-ministro, que assumiu em março de 2001, sendo substituído por Ehud Omert. Ele morreu aos 85 anos e a imprensa israelense já havia divulgado que Sharon sofria de insuficiência renal.
*Com informações da Agência Lusa
Edição: Andréa Quintiere



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/hPP/fnCRwS

Espalhe:

Comentário(s)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Explore o MAXX

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Cultura

Famosos
MAXX FM
Música
Sobre Rodas
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade, em especial no que tange ao uso de cookies."

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni